terça-feira, 2 de abril de 2013

POLICIAL DO RONDA REAGE A ASSALTO DENTRO DE ÔNIBUS E É ASSASSINADO

Reações: 
   Dois assaltantes e um policial militar morreram após troca de tiros por ocasião de um assalto no interior de um ônibus da Princesa do Agreste aos 30 minutos da madrugada desta terça-feira. O coletivo de placas KHW-6285 tinha partido de Recife (PE) na noite anterior e o destino era Crato, na região do Cariri. Na BR-232 à altura do Distrito de Riacho do Mel no município de Flores (PE), dois homens anunciaram o assalto e apenas um exibia revólver e o outro já se preparava para saquear os passageiros.
  Dentre estes estavam um agente da Polícia Rodoviária Federal (PRF), um militar do Corpo de Bombeiros do Pernambuco e o Soldado Jaelson Júnior Andrade Bento, de 23 anos, que residia em Exu (PE), mas era membro da Polícia Militar do Ceará e trabalhava no Ronda do Quarteirão de Barbalha e cursava Direito na Faculdade Paraíso de Juazeiro do Norte. O Soldado Bento sacou uma pistola e atirou na direção dos acusados. Ademar Correia Fontes, de 36 anos e natural de Paulista (PE), estava armado e foi atingido.
  Mesmo caído, revidou atirando três vezes e matando o militar para morrer depois. O seu comparsa Ednaldo Nascimento, também de 36 anos e nascido em Timbaubas (PE), foi igualmente baleado e abandonou o ônibus sendo perseguido e encontrado morto dentro de uma casa da localidade onde procurou se refugiar. Segundo informações passadas pela polícia pernambucana, a arma do agente da PRF estava em sua bolsa e o militar do CB possuía apenas uma faca. Nenhum outro passageiro se feriu apesar dos 12 disparos dentro do coletivo que apanhou a dupla em Caruaru (PE).
  Os três corpos foram levados para um hospital da região enquanto aguardam o rabecão do IML (Instituto Médico Legal) de Caruaru a uma distância de 300 Km para o local dos crimes. Uma situação semelhante aconteceu há 13 anos dentro de ônibus da Princesa do Agreste à altura do município de Verdejante (PE). Os irmãos Manuel Vanilson Dantas e Antônio Washington anunciaram o assalto e foram mortos em troca de tiros com o Soldado Yuko Quixaba de Araújo, que saiu baleado no tórax e escapou.

Fonte: Agencia Miséria

Nenhum comentário:

Postar um comentário