segunda-feira, 1 de abril de 2013

CORINTIANOS "ESTÃO SEQUESTRADOS NA BOLÍVIA" , DIZ ADVOGADA AO FANTÁSTICO

Reações: 
   Doze torcedores do Corinthians estão presos na Bolívia há mais de uma mês. Os corintianos respondem pela morte de Kevin Beltran, de 14 anos. O torcedor boliviano foi atingido por um sinalizador no jogo entreCorinthians e San José, pela Copa Libertadores, em fevereiro. Neste domingo, 31, o Fantástico, da TV Globo, exibiu uma reportagem mostrando a situação atual desses torcedores.
   Para justiça boliviana os brasileiros estão envolvidos no episódio que culminou na morte do jovem. A defesa anunciou que pretende recorrer acortes internacionais para tentar a libertação. Eles estão presos há 38 dias na penitenciária San Pedro, em Oruro, na Bolívia.

  
Recentemente os torcedores corintianos receberam a visita do presidente da Comissão de Relações Exteriores do senado. O senador Ricardo Ferraçodisse que a situação é precária. “Eles estão assustados, amedrontados, sentem claramente que estão correndo risco de vida, porque é uma prisão pra 200 pessoas, com 1.500. Uma condição muito primitiva comparada às nossas piores penitenciarias no Brasil”, explicou o parlamentar.

   Os advogados que defendem os torcedores dizem que não conseguem ter acesso ao processo na Bolívia. Eles afirmam que ainda nem sabem exatamente do que os brasileiros estão sendo acusados.“Podemos dizer, sem dúvida, que nós temos 12 brasileiros, hoje, sequestrados num presídio em Oruro na Bolívia”, afirma Maristela Basso, advogada dos corintianos.

   Se nenhum recurso der certo, os advogados vão buscar outras alternativas.“Vamos recorrer a organizações internacionais que possam interferir nesse caso, a alternativas política-jurídica-diplomática que são importantes e também, localmente, nos vamos tentar medidas agora, digamos mais austeras perante cortes outras que não são apenas aquelas deOruro”.

   Na Bolívia a prisão preventiva pode chegar a dois anos.

   Menor diz ser autor do disparo: No Brasil, um menor que mora na região metropolitana de São Paulo assumiu ter feito o disparo. O rapaz, de 17 anos, se apresentou à justiça brasileira e foi liberado.
   O Ministério Público de São Paulo já enviou o depoimento dele à Bolívia,por meio do Ministério das Relações Exteriores. Mas a justiça boliviana ainda não se manifestou.
   No dia 8 de abril, os torcedores devem deixar a prisão. Mas apenas para ir ao estádio, participar de uma reconstituição.

Fonte: Momento Verdadeiro
Comentários
1 Comentários

1 Comentários:

  1. Alguns clubistas estão acima de tudo massacrando esses cidadães Brasileiro como fanáticos do Taliba antes de ser jurista deve-se refletir sobre o correto,12 pessoas não seguram um sinalizador hj a rede BANDEIRANTES exibiu uma matéria séria sobre a situação fiquei mais indignado com o governo Brasileiro que acima de tudo se omite sobre tudo e fica a merce desse indio doido (sozia de outro louco das americas que morreu )agora eu reflito mais ainda será que o EUA estava tão errado em impor sua força para quem desrespeita o povo AMERICANO ?

    ResponderExcluir