terça-feira, 19 de fevereiro de 2013

NESTLÉ DENUNCIA CARNE DE CAVALO EM PRODUTO DE FRIGORÍFICO DO BRASIL

Reações: 
  Em comunicado desta segunda-feira (18), a Nestlé informou que encontrou mais de 1% de carne de cavalo em produtos oferecidos pela empresa alemã H.J. Schypke, subcontratada do frigorífico JBS, um de seus fornecedores.
   Essa quantidade está acima do limite definido no Reino Unido pela Agência de Segurança Alimentar para indicar provável adulteração ou grande negligência.

   Segundo a nota oficial, a substancia foi encontrada por meio de testes de DNA realizados pela empresa em dois produtos contendo carnes oferecidas como 100% bovina.
   O produto adulterado foi fornecido pela JBS Toledo, subsidiária belga da brasileira JBS, um dos principais fornecedores da multinacional. Procurada pela reportagem do R7, a JBS não retornou o contato até o momento. 
   A Nestlé, por sua vez, disse já ter informado as autoridades e, como medida de precaução, suspendeu a comercialização de produtos que possam estar contaminados, como massas e lasanhas, para países europeus como Itália, França e Espanha.
Do r7

Nenhum comentário:

Postar um comentário