quinta-feira, 24 de janeiro de 2013

DETENTO AMARRA AS PERNAS E MÃOS DE COLEGA DE CELA E MATA AFOGADO EM BALDE

Reações: 
  O crime aconteceu na noite de segunda-feira (21), dentro de uma das celas do Presídio Manoel Neri da Silva, no município de Cruzeiro do Sul, no Acre, no Vale do Juruá.De acordo com informações a vítima Manoel de Jesus Benevenuto (32)” o Palhinha” teve as mãos e os pés amarrados com pedaços de lençol em seguida morto afogado dentro de um balde.
   O auto do crime foi o também detento Roniely Moraes de Araújo (21) e a motivação alegada pelo acusado seria por que Manoel de Jesus perturbava muito os outros detentos. Segundo a polícia apurou a vitima e o acusado dividiam a mesma cela junto com mais três detentos, mas Roniely na Delegacia de Polícia Civil confessou o crime e alegou ter agido sozinho sem ajuda dos demais presos.


   “Primeiro eu dei um gato nele em seguida ele desmaiou e eu amarrei as mãos e os pés e o coloquei de cabeça para baixo dentro do balde com água até ele morrer” afirmou o acusado. A vítima cumpria pena por crime de furto qualificado e estava na Unidade de Recuperação Social desde agosto do ano passado. O acusado cumpria reclusão por crime de homicídio e estava preso a pouco mais de cinco meses.     
Fonte: EcosDaNotícia

Nenhum comentário:

Postar um comentário